Covid

Até que ponto vai o 'morra quem morrer' pra você?

Por Antonio Carlos em 02/03/2021 às 07:38:45

A icônica expressão "morra quem morrer" parece fazer mais sentido neste momento da pandemia do que em julho, quando a proferiu o então prefeito de Itabuna, Fernando Gomes. Em meio à alta contínua do número de casos e de mortos - não nos enganemos com a oscilação para baixo nos últimos dias -, parte da sociedade escolheu banalizar a morte ao invés de admitir a gravidade do problema. É parte do circo de horrores que se tornou o convívio social no Brasil. Clique aqui e leia a coluna completa!

Fonte: Bahia Noticias

Comunicar erro
gostou anuncie aqui