Covid

Rui: "Quem chega de jatinho e fica doente, tem condição de se tratar. Pobre não"

Por Antonio Carlos em 29/12/2020 às 19:02:59

O governador Rui Costa voltou a pedir o apoio da população para o controle do vírus no estado, sobretudo neste fim de ano.

Segundo o A Tarde, Rui ressaltou a importância da não realização de festas durante o réveillon. O pedido foi feito durante evento de entrega do Complexo Poliesportivo Educacional em Conceição do Coité, região sisaleira do estado.

"Não devemos fazer aglomerações. Vamos resistir pelo menos este ano. Só assim não vamos contribuir com o aumento do número de casos de infecções pelo coronavírus", disse.

Sobre as filas de jatinhos em um aeroporto privado no distrito de Trancoso, litoral sul de Porto Seguro, onde a polícia já encerrou diversas festas clandestinas, o governador disse que "quem chega de jatinho para festas e fica doente, tem condição de se tratar. O pobre não".

"O rico que chega de jatinho pode até ficar doente, porém tem condições de se tratar em um Sírio-Libanês, por exemplo, e acaba passando a doença para o garçom que serve na festa, bem como para a doceira que está ali fazendo e vendendo doces e, sem dúvida, podem sofrer com a falta de leitos", ressaltou.

VACINAS

O governador disse estar conversando com o estado de São Paulo e com os fabricantes da vacina chinesa. "Estamos apostando ainda na vacina russa, a qual foi feito um convênio com brasileiros, e vai ser fabricada no Distrito Federal. Espero que a Anvisa deixe de fazer política e acelere a avaliação da vacina", finalizou.

Comunicar erro
gostou anuncie aqui