Banner Jogue Lixo no Lixo

Mortos pela Covid-19 chegam a 1 milhão no mundo

Por Antonio Carlos em 29/09/2020 às 11:07:52

A pandemia do novo coronavírus atingiu a marca de um milhão de mortes no mundo. Nove meses depois de surgir na China, a Covid-19 avança na Índia, está longe de ser contida na América e dá forma a uma segunda onda de contágio em países da Europa.

Segundo O Globo, Levantamentos globais indicaram segunda-feira (29/09) que 1.002.129 pessoas morreram com a Covid-19. Uma em cada cinco vítimas era dos Estados Unidos. O Brasil é o segundo país com mais óbitos: 142.161 vidas perdidas.

A Organização Mundial da Saúde teme que a pandemia provoque dois milhões de mortes. Dados de 188 países contabilizam 33,3 milhões de infectados.
O Brasil tem um dos maiores índices de mortalidade. Sua taxa de letalidade indica 666 óbitos por milhão, à frente até dos EUA.

Nas últimas 24 horas, o país registrou 385 mortes e 16.412 novos casos de infecção — ao todo, 4.748.327 pessoas já foram contaminadas. A média móvel de mortes, recurso estatístico que indica a tendência da pandemia, chegou a 687 ontem. Veja os números de cada estado.

O vice-presidente Hamilton Mourão elogiou o governo federal pela condução da resposta à pandemia. Ele disse que "em qualquer hipótese" o país teria um grande número de mortes. "Prejuízo para a população não houve", declarou.

Pesquisadores apontam que o país não teve visão estratégia para lidar com a pandemia e afirmam que o governo federal foi "errático". "O vírus chegou ao Brasil dois meses depois de outros países. Sabíamos que não era uma situação banal. O governo deveria ter buscado uma união dos entes federativos para um discurso de união nacional que chamasse a população", afirma Guilherme Werneck, professor de epidemiologia da Uerj

Fonte: Redação G7

Comentários

gostou anuncie aqui